DRTV - RADIO ONLINE AO VIVO

DRTV - RADIO ONLINE AO VIVO - Apresentação: Dj Dirceu e Rosangela Matos
Um oferecimento de Revista Champagne News
Watch live streaming video from revistachampagnenews at livestream.com

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Tamisa, corrida de quase 300 anos para ter um casaco e um emblema


A festa da vitória para o que alguns dizem ser o mais antigo concurso de execução contínua esportivo do mundo teve lugar entre uma multidão tarde cotidiano sexta-feira em um pub chamado Hung Drawn e esquartejado.

Enquanto nada remotamente relacionado ao esporte está sendo sufocada com cobertura de notícias estes dias nas Olimpíadas de Londres-saturada, havia muito poucos aqui no caminho da mídia e espectadores. Este foi tão bem, como o vencedor da jovem de seis homens corrida de remo, um 23-year-old chamado Merlin Dwan, foi um pouco longe ao longo de sua celebração.


"Você é muito tarde", alertou um amigo de um repórter, como a equipe de câmera exclusiva no local tentou infrutiferamente a conduzir uma entrevista.


Mas o celebrante mais marcante no bar era um vencedor do concurso passado, Gary Brian Anness, que, ao actuarem com mais reserva, usava sua vitória 30-year-old em sua manga. Além das calças laranja-tampa vermelha túnica, e joelho, além dos meias brancas e sapatos de fivela, ele usava no braço um medalhão de prata gravada o tamanho de um prato de salada.


Tais são os despojos de Brasão do Doggett e raça Badge, uma competição de remo único scull que foi executado no rio Tâmisa por quase 300 anos. Houve sugestões de como aumentar a visibilidade deste evento pouco conhecido: talvez um patrocínio corporativo, ou um local mais conveniente para a linha de chegada. Mas Anness, um piloto rebocador cujo filho venceu a corrida em 2011, estava tendo nada disso.


"Thomas Doggett não mudá-lo", disse ele. "Por que ninguém?"


Há um número de candidatos para o concurso mais antigo esportivo na Grã-Bretanha, pátria do esporte moderno. O antient Scorton Silver Arrow em North Yorkshire, por exemplo, possui em seu site de uma história da competição de tiro com arco datando de 1673 ("exceto em períodos de várias guerras"), enquanto a Sociedade Antiga dos Arqueiros Kilwinning, baseado na Escócia, se gaba que o seu tiro Papingo Anual remonta quase 200 anos antes disso.


Aqueles no Worshipful Companhia de Peixarias, a organização 740-year-old que gerencia a corrida de Doggett, reconhecer alguns dos seus rivais, embora a contragosto. O comunicado de imprensa para a corrida deste ano disse que os registros da Flecha de Prata antient trair uma lacuna de 35 anos além de apontar que não existem registos antes de 1891 para documentar que o Real Shrovetide Jogos de Futebol por Derbyshire tem de fato ocorrido anualmente desde o século 12 . Além disso, os lançamentos enfatizou, o jogo de futebol é "um evento de equipe", e, portanto, uma questão diferente.


No mínimo, a raça Doggett é sem dúvida a concorrência da Grã-Bretanha mais antiga remo, batendo o famoso Oxford e Cambridge corrida de barco por mais de 100 anos. E percorre o coração de Londres.



A corrida começa na London Bridge, uma vez que o local do Tavern Swann, e termina em Chelsea, onde o fundador da raça, Thomas Doggett, manteve a sua casa. Este percurso leva os Scullers seis concorrentes e os barcos de atendimento de espectadores, incluindo um árbitro que usa um casaco bicorn e um almirante ouro entrançado, através nobre território turístico. Mas ele desenha apenas ondas ocasionais das margens do rio. Ao lado do Tamisa mundialmente famosas regatas, esta corrida é considerada um anacronismo curioso para saber se ele é considerado em tudo.


"Esta é uma corrida muito sob medida", disse Ted Manning, o administrador da Peixarias 'Company. "Ele realmente tem a ver com uma pequena lasca do país."


E, acrescentou sem rodeios, "Em termos de um evento espectador, pode ser muito chato."


Ainda assim, a corrida de Doggett remonta a uma época particularmente colorida na confecção dos esportes modernos...

fonte New York Times

domingo, 22 de julho de 2012

Record exibe Jogos 3D no cinema



A Record fará, de 27 de julho a 12 agosto, a transmissão em 3D da Olimpíada de Londres em 20 salas digitais de cinemas da rede Cinépolis em diversas cidades do Brasil. A emissora contará com os mais modernos equipamentos de captação e transmissão desta tecnologia e montará um núcleo específico de produção 3D. A exibição terá apresentador e comentarista exclusivos no estúdio da Central de Jornalismo Record, em São Paulo.

Essa iniciativa será um marco e deverá consolidar uma tendência que se observa atualmente em utilização do 3D para broadcasting ao vivo de eventos esportivos. Até agora, apenas 14 emissoras de TV em todo o mundo assinaram o pacote 3D disponibilizado pela Olympic Broadcasting Services (OBS).

As transmissões das modalidades na rede Cinépolis (São Paulo, Barueri, Ribeirão Preto, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Caxias do Sul, Campo Grande, João Pessoa, Blumenau, São Luiz, Recife e Belém) serão diárias, entre 15 e 17 horas. Já as cerimônias de abertura (27) e encerramento (12/08) terão horários diferenciados, das 17 às 20 horas.

Olimpíada de Londres, a partir de 25 de julho só na Record.

Programe-se

27/07  – Sexta-feira
17H00 CERIMÔNIA DE ABERTURA LONDRES 2012

28/07  – Sábado
15H00 NATAÇÃO + GINÁSTICA + MELHORES MOMENTOS DIA

29/07 – Domingo
15H00 NATAÇÃO + GINÁSTICA + MELHORES MOMENTOS DIA

30/07 Segunda-feira
15H00 GINÁSTICA + NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

31/07 – Terça-feira
15H00 NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

01/08 – Quarta-feira
15H00 GINÁSTICA + NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

02/08 – Quinta-feira
15H00 NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

03/08 – Sexta-feira
15H00 ATLETISMO + NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

04/08 – Sábado
15H00 ATLETISMO + NATAÇÃO + MELHORES MOMENTOS DIA

05/08 – Domingo
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + MELHORES MOMENTOS DIA

06/08 – Segunda-feira
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + MELHORES MOMENTOS DIA

07/08 – Terça-feira
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + MELHORES MOMENTOS DIA

08/08 – Quarta-feira
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + BASQUETE + MELHORES MOMENTOS DIA

09/08 – Quinta-feira
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + BASQUETE + MELHORES MOMENTOS DIA

10/08 – Sexta-feira
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + BASQUETE + MELHORES MOMENTOS DIA

11/08 – Sábado
15H00 ATLETISMO + SALTOS ORNAMENTAIS + BASQUETE + MELHORES MOMENTOS DIA

12/08 – Domingo
11H00 FINAL DO BASQUETE MASCULINO + MELHORES MOMENTOS DIA
17H00 CERIMÔNIA DE ENCERRAMENTO LONDRES 2012

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Teixeira e Havelange receberam R$ 40 milhões de suborno da ISL

                                       



O ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira, 65, e o presidente de honra da Fifa, João Havelange, 96, receberam 19,25 milhões de francos suíços (R$ 40 milhões) em subornos da ISL. O envolvimento foi confirmado no dossiê do caso liberado hoje pela Justiça Suíça.A ISL foi durante a década de 1990 e o início da última década a principal parceira comercial da Fifa. Quando foi a falência, um processo judicial na Suíça demonstrou que houve pagamentos de mais 100 milhões de francos suíços para dirigentes em troca de benefícios nas negociações comerciais, envolvendo direitos de televisão e marketing.

                                                                             Luiz Carlos David - 15.jan.89/Folhapress         

           Ricardo Teixeira na festa  pela eleição na véspera de sua posse tendo ao fundo  o tio Marco Antonio Teixeira;   dirigente renunciou ao cargo.          

Apesar das acusações de envolvimento dos cartolas brasileiras feitas pela emissora britânica BBC e pelo jornal suíço "Handelszeitung", o processo judicial sempre foi mantido em sigilo até hoje quando foi liberado para jornalistas que tinham entrado com ação pedindo a transparência integral dele. A Folha teve acesso ao dossiê por meio de um dos jornais que o obtiveram hoje.
Jamil Bittar - 12.jun.01/Reuters


 Ricardo Teixeira, presidente da CBF, ao lado do 
novo técnico da seleção, Luiz Felipe Scolari,em Brasília;
 Felipão foi convidado para ocupar o lugar de Leão,  
que fracassou na Copa das Confederações



Na ação, está descrito que Teixeira ganhou 12,74 milhões de francos suíços (equivalente hoje a R$ 26,5 milhões) por meio da empresa Sanud, cuja ligação com o cartola já tinha sido estabelecida por meio da CPI do Futebol, no Senado. A Renford Investments Ltd foi outra empresa, com ligações com Havelange e Teixeira, que recebeu 5 milhões de francos suíços (R$ 10 milhões). Não sabe qual a divisão do dinheiro entre os dois neste caso.   
                       


Reprodução
  
   Primeira página do processo (em alemão) que aponta os nomes de Havelange e Teixeira

Havelange ainda recebeu outro pagamento de 1,5 milhão de francos suíços (R$ 3,1 milhões). Essa transferência irregular ao cartola era conhecida pelo presidente da Fifa, Joseph Blatter, segundo o dossiê ISL.
Por meio de sua secretária, o advogado de Ricardo Teixeira, José Mauro do Couto, informou que não falaria sobre o caso. O cartola atualmente mora em Miami (EUA), mas ainda tem cargo de assessor na CBF.
Já o advogado suíço de Havelange, Marco Niedermann, não estava em seu escritório em Zurique. Segundo funcionário do escritório, ele só voltará a Zurique na próxima semana quando decidirá se irá comentar a decisão. Era ele, juntamente com o advogado suíço de Teixeira, quem tentava barrar a publicação dos documentos.
Em 2010, durante a Copa, Teixeira e Havelange fizeram um acordo com a justiça suíça. Nele, pagaram uma quantia não revelada para em troca não tivessem o nome revelado publicamente.

QUEM SÃO
Teixeira assumiu a CBF em 1989 e deixou a entidade em março deste ano. Na mesma época saiu do COL (Comitê Organizador Local da Copa do Mundo-2014) e do comitê executivo da Fifa. Alegou problemas pessoais e de saúde. Ainda em março, a reportagem da Folha tentou procurar Teixeira em sua casa em Miami, mas não foi recebido.
Havelange foi presidente da Fifa por 24 anos --o último, antes de Blatter. Ele ainda é presidente de honra da entidade. Em dezembro do ano passado, pediu desligamento do COI (Comitê Olímpico Internacional) por motivos de saúde. A saída foi entendida como uma medida para evitar uma possível expulsão devido o caso ISL.

Fonte: Folha de S.Paulo

Presidente do Coritiba desautoriza time em polêmica com Palmeiras

NELSON BARROS NETO
DE SÃO PAULO


"O Palmeiras tem o mesmo patrocinador da Copa do Brasil... A gente não sabe o que acontece". A insinuação do zagueiro Pereira, do Coritiba, em meio à revolta paranaense sobre a arbitragem do jogo de ida da final do torneio, há uma semana, chegou a provocar uma resposta formal dos paulistas no dia seguinte. E até hoje é usada para engrossar a reclamação da torcida. Porém, o próprio presidente do Coritiba, Vilson Ribeiro de Andrade, tenta encerrar a polêmica que conspira contra a Kia Motors, montadora sul-coreana que estampa o uniforme do Palmeiras e ao mesmo tempo é dona dos direitos da competição nacional. 



"Isso é uma bobagem muito grande. A única voz oficial aqui é a do presidente, que nunca tocou nesse assunto. Se eu acreditasse em algo assim, eu renunciaria hoje para tomar conta das minhas coisas, porque aí não haveria mais sentido o futebol", disse à Folha na véspera da decisão, desautorizando qualquer atleta e inclusive o técnico Marcelo Oliveira,outro que saiu revoltado com o árbitro Wilton Pereira Sampaio (GO) em Barueri.
Apesar das insinuações, a Kia também prefere se esquivar sobre o assunto.
"A gente não tem nada para falar, nem nenhuma ingerência nisso. Cabe ao Palmeiras", afirmou a empresa, atráves de sua assessoria de comunicação.

CONTRA-GOLPE

Na última sexta-feira, o gerente de futebol palmeirense, o ex-volante César Sampaio, fez questão de rebater o time do Paraná em entrevista coletiva no CT.
"Nesta campanha da Copa do Brasil, tivemos jogos muito mais difíceis [de arbitragem], sofrendo gol com jogador estando cinco metros na frente, não tendo pênaltis claros marcados... Se o patrocinador influenciasse em alguma tomada de posição, não teríamos sofrido tudo isso e o Valdivia não teria sido expulso. Não chegamos até aqui por fatores externos", declarou, aproveitando inclusive para contra-atacar.
"Queríamos fazer uma final bonita, onde a parte esportiva pudesse prevalecer. Foi nesse sentido que nos posicionamos. Para que o futebol prevaleça contra qualquer outro interesse e quem for melhor possa levar o título. O BMG é patrocinador do Coritiba e está em todas as competições do Brasil e da América do Sul. São grandes marcas e precisamos delas, porque boa parte de nossas receitas vem daí. Se tratá-las dessa forma, elas vão sair", finalizou o cartola do Palmeiras.



Nossos leitores - Our readers

Postagens populares

Seguidores

Destaques - Jornal Cidade em Foco Az

Veja também:

Obras no Palestra Itália - SP/BR